Veja os carros mais baratos de consertar

Ranking criado pelo órgão independente Cesvi classifica mais de 50 carros à venda no Brasil

Jair Oliveira | 15/6/2012 09:49
Foto: DivulgaçãoVeja mais fotos
3º Citroën C3 - Car Group: 16

Às vezes uma simples batidinha no carro pode se tornar um enorme dor de cabeça para o proprietário ao descobrir que aquele pequeno amassado na lataria virou um problemão. O problema é que certos modelos têm mais partes atingidas nesses incidentes do dia a dia, comprometendo peças que, a princípio, parecem intactas ou distantes da região da batida.
Além disso, dependendo da montadora, o custo das peças de reposição e da mão de obra também podem encarecer o reparo, um problema que afeta também as seguradoras, que acabam arcando com esse prejuízo.

Pensando nisso, o CesviCentro de Experimentação e Segurança Viária –, um órgão independente, criou o Car Group, programa que avalia o índice de reparabilidade de alguns modelos vendidos no Brasil e que, de forma indireta, pode ajudar o consumidor na hora de definir a compra de um automóvel.

Veja mais: Bateram no meu carro. E agora?


1º Volkswagen Polo Sedan - Car Group: 122º Volkswagen Fox - Car Group: 143º Citroën C3 - Car Group: 164º - Peugeot 408 - Car Group: 185º - Ford Ka - Car Group: 206º - Renault Clio - Car Group: 207º - Chevrolet Corsa - Car Group: 218º - Fiat Punto - Car Group: 219º - JAC J3 - Car Group: 2110º - Renault Sandero - Car Group: 2111º - Chevrolet Prisma - Car Group: 2212º - Chevrolet Celta - Car Group: 2213º - JAC J3 Turin - Car Group: 2214º - Peugeot 308 - Car Group: 2215º - Volkswagen Gol - Car Group: 2216º - Nissan Versa - Car Group: 2317º - Volkswagen SpaceFox - Car Group: 2318º - Renault Mégane Grand Tour - Car Group: 2519º Renault Sandero Stepway - Car Group: 2520º - Volkswagen Voyage - Car Group: 2521º - Citroën C4 Pallas - Car Group: 2622º - Ford New Fiesta - Car Group: 2723º - Nissan Livina - Car Group: 2724º - Nissan March - Car Group: 2725º - Citroën C3 Picasso - Car Group: 2826º - Nissan Tiida - Car Group: 2827º - Chevrolet Meriva - Car Group: 2928º - Nissan Grand Livina - Car Group: 2929º - Renault Logan - Car Group: 2930º - Fiat Bravo - Car Group: 3031º - Citroën C4 Picasso - Car Group: 3132º - Fiat Linea - Car Group: 3133º - Nissan Sentra - Car Group: 3134º - Citroën C4 hatch - Car Group: 3235º - Fiat Uno Mille - Car Group: 3236º - Chevrolet Cobalt - Car Group: 3537º - Fiat Grand Siena - Car Group: 3538º - Novo Fiat Uno - Car Group: 3539º - Peugeot 207 - Car Group: 3540º - Renault Duster - Car Group: 3741º - Suzuki SX4 - Car Group: 3842º - Novo Fiat Palio - Car Group: 4043º - Fiat Palio Fire - Car Group: 4044º - Renault Symbol - Car Group: 4045º - Ford Courier - Car Group: 4246º - Fiat Siena Fire - Car Group: 4447º - Renault Fluence - Car Group: 4448º - Fiat Siena EL - Car Group: 4649º - Peugeot 207 Passion - Car Group: 4850º - Citroën Xsara Picasso - Car Group: 5451º - Fiat Palio Weekend - Car Group: 5552º - Nissan Frontier - Car Group: 60
Veja também: Como contratar um seguro mais em conta


Como funciona
Para saber qual é o índice de reparabilidade de um automóvel, o órgão submete o veículo a dois tipos de crash-test – dianteiro e traseiro – sempre a uma velocidade de 15 km/h. Depois de realizar o teste, é feita uma avaliação dos danos para então saber quanto tempo será gasto com o conserto e quais peças serão substituídas.

Com todas as informações nas mãos, o Cesvi define um grau de dificuldade que vai de 10 a 60, sendo que quanto maior for a nota, mais caro será o custo de reparação do carro.

Além disso, o Car Group também influencia no preço do seguro dos veículos, isso porque quanto maior o índice mais caro será o prêmio que a seguradora cobrará, já antecipando um possível gasto com um sinistro.

Vale destacar que as avaliações são sempre feitas de forma independente e que nem todos os automóveis vendidos no mercado brasileiro foram testados pelo Cesvi. Uma curiosidade é que, às vezes um projeto mais novo e moderno nem sempre é sinônimo de facilidade na hora do conserto.

Entre os carros que foram lançados recentemente no Brasil e que tem alto índice de reparabilidade estão o Renault Fluence e os novos Fiat Palio e Grand Siena. Em contrapartida modelos como o Citroën C3, o Ford Ka e o Renault Clio, modelos com mais de dez anos de vida, estão entre os mais baratos, segundo o órgão.

fonte: IG CARROS

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COMO CONVERTER CRUZADOS EM REAIS?

CRIE CURSO ONLINE

MODELO DE AVISO DE MUDANÇA DE ENDEREÇO