IPVA

IPVA começa a vencer em São Paulo. Veja quanto e quando pagar

Veja os valores e vencimentos do IPVA em seu Estado

Infográfico traz informações detalhadas dos Detrans de cada Estado; confira quanto você pagará clicando no mapa abaixo e veja informações detalhadas sobre São Paulo

iG São Paulo
O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) começa a vencer na maioria dos Estados em janeiro. O iG colocou nos mapas abaixo os links dos Detrans e Secretarias das Fazendas estaduais e o leitor pode consultar quando e quanto pagará de IPVA, clicando em seu Estado.


Leia também: IPVA: pagar à vista ou parcelar?





Em São Paulo

Começa a vencer nesta sexta-feira (11) o prazo para o pagamento da parcela única com desconto do IPVA e da primeira parcela do tributo, para aqueles que optarem por dividir o valor total. A data é referente aos veículos de placa final 1, mas o calendário de pagamento se estende até o dia 24, para os motoristas de motos e automóveis de final 0.

Há três formas de pagar o imposto: parcela única com desconto de 3%; parcela única sem desconto, e parcelado em três vezes, de janeiro a março. Para os que optarem pela primeira alternativa, o prazo final começa nesta sexta para os veículos de placa final 1, na segunda-feira (14) para os de final 2, e assim em diante até o dia 24, para quem tem automóvel ou moto com final 0. Nos mesmos dias também vence a primeira parcela do IPVA, para quem optar por dividir o tributo. Já aqueles que quiserem pagar o tributo em parcela única, mas sem desconto, podem fazê-lo entre 14 e 27 de fevereiro, conforme o final de sua placa.


Mais: IPVA de SP ficará 8,5% mais barato, informa Fazenda


Para efetuar o pagamento, basta ir a uma agência bancária com o número do Renavam. Também é possível quitar o imposto no caixa eletrônico e pela internet. Para pagar o IPVA 2013 é preciso estar em dia com o pagamento do imposto. Para saber se há pendências neste sentido, é só acessar o site da Secretaria da Fazenda de São Paulo.

Além do IPVA, os motoristas também precisam pagar o seguro DPVAT, acionado em caso de acidentes no trânsito e que pode ser recolhido junto com a primeira parcela do tributo ou com a cota única sem desconto. O licenciamento veicular anual também pode ser antecipado para este começo de ano, mas, para isso, é preciso estar em dia com o IPVA e o DPVAT, assim como com outros débitos do veículo.

FONTE: IG ECONOMIA

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COMO CONVERTER CRUZADOS EM REAIS?

MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO (EMPRESARIAL)

Como tirar o registro profissional(Mtb) - Jornalistas