BRASIL NO TOP 10 DO EMPREENDEDORISMO

 

Brasil está entre dez maiores países empreendedores do mundo

União de produtores, inovação e qualidade levam produtos orgânicos brasileiros para outros continentes.

 

A paisagem até lembra a Europa. Mas é no interior de São Paulo, distante apenas 90 quilômetros da capital.
Qualidade de vida, quem não quer? Mas para tirar o próprio sustento da produção de figos, não é fácil.
"O figo é um fruto assim muito delicado, ele precisa de água e ao mesmo tempo não pode ser muita água. Ele é muito exigente.", explica a produtora Lurdes Scabello.
A colheita é 100% manual. Nada pode ser feito com máquinas. Lurdes produz ótimas frutas e já pensa em exportar. Mas por onde começar quando se é tão pequeno ainda?
Para um pequeno produtor, conseguir certificar e exportar os figos é um sonho quase impossível. O processo todo é muito caro e muito difícil. Agora, se esse produtor se unir a outro, e mais outro, o grupo pode ganhar força. Juntos, eles podem dividir despesas, resolver os problemas, e ter melhores condições pra negociar o produto.
Já são 22 produtores de figo no grupo que recebe apoio e suporte da Associação Agrícola de Valinhos. É o velho ditado: a união faz a força.
"Todos compram no mesmo patamar, independente da quantidade. Tem produtor que compra um item, tem produtor que compra dois mil itens, e o preço é igual para todos. Então, com isso o pequeno conseguiu um fôlego para se manter na produção”, conta o presidente da Associação Agrícola de Valinhos/SP, Pedro Pellegrini.
Fôlego e asas para voar. Ano passado a turma foi para Paris e visitaram a maior feira mundial da indústria de alimentos. De olho nas exportações, eles saíram do Brasil pela primeira vez para pesquisar o assunto pessoalmente. Conheceram de perto o principal concorrente, o figo da Turquia. Fizeram contatos com produtores de vários países e trouxeram de volta inspiração para trabalhar mais, muito, e de um jeito novo.
"Visitando um stand de italianos, a moça tinha demonstração de esfoliante, de creme hidratante, tudo feito com figo”, conta a produtora Márcia Previtali.
"Desde papinha de bebê, calda pra acompanhar algum prato salgado, dá pra fazer patê, creme, figo com chocolate, dá pra fazer o que você quiser", se empolga a produtora Ivete Lacarini.
"Até fazer embalagens menores, porque hoje em dia tem um consumidor que muitas vezes não compra oito figos, ele pode comprar quatro. Então, a gente está com a idéia de mudar um tipo de embalagem menor", explica o presidente do Sindicato Rural de Valinhos/SP, Alci Roberto Previtali.
Lurdes não foi a Paris desta vez. Ficou para não deixar o marido sozinho cuidando do pomar. Mas adorou as novidades que os outros trouxeram. Especialmente sobre embalagens – um item fundamental para quem pretende conquistar o mundo.
Lurdes se orgulha de imaginar sua caixinha de figos chegando à Europa. “Muito chique”, ri.
É pra se orgulhar mesmo: o Brasil está entre os dez maiores países empreendedores do mundo. 27 milhões de brasileiros, ou já tem a sua empresa formalizada, ou estão se preparando para isso. A boa notícia é que 73% dos negócios já sobrevivem ao segundo ano de vida.
"E a outra questão muito importante: a busca permanente pelo conhecimento, pela informação. No mundo moderno de hoje, aquela velha frase que a gente já escutou muitas vezes, ‘o meu avô sempre fez assim’, ‘meu pai sempre fez assim’, hoje isso não é mais assim”, conta o presidente do Sebrae, Luiz Barreto.
Inovar é a regra número um para o empreendedor. É assim que seu Virgílio Ramos ficou famoso na maior feira orgânica de São Paulo. " Isso é alimento dos deuses. Os maias e os astecas já reverenciavam essa fruta. Bom pra circulação, bom pro coração, bom pro bom humor também", contou.
O alimento milagroso é o cacau. Mas também tem o açaí e a castanha, tão competentes quanto. "A castanha tem um mineral chamado, que é selênio. Quando você consome o produto assim, você está colocando pra dentro os flavonóides e antioxidantes", explicou.
Ninguém resiste. Os produtos são saborosos, vêm direto da Amazônia, são produzidos em alta floresta com certificação ambiental, tudo do bom e do melhor. Parece fácil, mas no começo era apenas um sonho - praticamente impossível. "Porque você chega num lugar, ninguém te conhece, ninguém sabe do teu produto", disse.
O comerciante Virgílio Ramos saiu de Manaus e desembarcou em São Paulo sabendo apenas que deveria procurar o mercado municipal. "Foi assim: todas as bancas do Mercado Municipal eram de seis metros, e me deram um metro praticamente. O que é um metro? Quase que nada pra expor os produtos que eu tinha, exclusive a castanha, e após cinco horas eu tive uma verdadeira posição de onde eu estava. No primeiro dia, sem conhecer, eu apurei R$ 700. E o que eu pensei? Eu estou rico em São Paulo", conta Virgílio.
15 anos depois, seu Virgílio administra uma próspera empresa. Tem um espaçoso depósito refrigerado, máquinas que garantem a eficiência das embalagens, e principalmente se orgulha de ter inventado um jeito novo de vender açaí: ele compra a fruta congelada, manda liofilizar, e depois vende o pozinho - que diluído em água vira suco, sopa, creme.
"Esse é o melhor açaí do mundo. Ele obedece toda a cadeia produtiva: o preço justo para quem trabalha, a mão-de-obra não é escrava, e cada pessoa que colhe recebe o preço justo", se orgulha Virgílio.
São detalhes fundamentais para quem trabalha com produtos orgânicos. "A minha família já tem o hábito de consumir o produto orgânico dessa feira", conta a analista de RH Creila Pereira.
Não basta ter sabor, tem que estar certificado.
Roger Augusto Ramos, filho do Virgílio, acredita que o pai deu a tacada certa nos negócios. “Sem ele não ia dar certo", diz.
Quem está de olho nessas castanhas agora é a Ásia. Seu Virgílio já recebeu consultas e propostas para exportar para vários países. O segredo? Disciplina, força de vontade e visão de mercado.
Sobre se acha que está ficando importante, seu Virgílio diz, sorridente: “É, o produto também. O produto por si só fala".

Edição do dia 22/02/2013

22/02/2013 23h08- Atualizado em 22/02/2013 23h52

FONTE: GLOBO REPORTER

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COMO CONVERTER CRUZADOS EM REAIS?

MODELO DE AVISO DE MUDANÇA DE ENDEREÇO

MODELO DE CARTA DE APRESENTAÇÃO (EMPRESARIAL)